- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

Colaboração na Reconstrução da Área Afetada pelo Grande Terremoto no Leste do Japão – Colaboração na Criação de Chashaku para a “Conferência Nacional Tankôkai 2016 em Iwaki”

- Notícias

Roberto Augusto NevesDo Japão veio o pedido do Grupo de Jovens de Iwaki para a “Criação de chashaku em prol da reconstrução da área afetada pelo grande terremoto no leste do Japão” para o qual tem colaborado o Sr. Roberto Augusto Neves que estuda e auxilia no Curso de Cerimônia do Chá da Universidade de São Paulo no Brasil.

 

O nome artístico do chashaku é “Sabiá”.

 

A seguir explicaremos o sentimento despertado e que levou a colocar esse nome no chashaku:

No Brasil, quando vem o final do inverno, a voz suave e elegante do Sabiá (ave nacional) canta a chegada da estação quente e aconchegante.

A palavra Sabiá é originaria da língua indígena tupi que significa “aquele que chora muito”, em referencia à voz dessa ave.  Uma lenda indígena diz que, quando uma criança ouve o canto do Sabiá, durante a madrugada, no início da Primavera, será “abençoada com muita paz, amor e felicidade”.

O nome artístico dado ao chashaku contém essa intenção, que a primavera chegue o mais rápido possível no coração de todos os afetados da região.

 

Autor:                 Roberto Augusto Neves

Afiliação:            Grupo de Chadô da USP

Veja também