- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

Notícias de Abu Dhabi

FRAGRÂNCIAS DA ARÁBIA

Deixei o Japão em 2011 e depois de iniciar-me no Chadô na sala de chá da Urasenke de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos (EAU), Oriente Médio, continuei a praticar no Centro de Chado Urasenke do Brasil, retornando ao Japão em março após seis anos.

Foi a primeira vez que estive no mundo islâmico, o povo de Abu Dhabi é amável e todos consideram as relações humanas extremamente importantes, por isso foi uma experiência agradável e valiosa poder participar das práticas de chá junto aos emiradenses.

Algo que despertou muito interesse durante minha permanência em Abu Dhabi foi o incenso árabe.

 

Tipos de Incenso

O incenso é chamado em árabe de bukhur (ou Bakhoor), o mais comum é o de lascas de madeira imersas em óleo aromatizado (foto ①), e também há as bolinhas de incenso amassado (foto ②) como o nerikô 練香 (utilizado no chanoyu, na Cerimônia do carvão de ro 炉) feitas com a mistura de ingredientes aromáticos.

Quanto à fragrância, há aqueles que nos fazem sentir o Oriente Médio, como a madeira de ágar (em japonês jinkô 沈香), alcaravia (nome cientifico Carum carvi), cardamomo (Elettaria cardamomum), petitgrain (Citrus aurantium); além destes há o almíscar (musk), âmbar, tipos de florais, entre vários outros.

O olíbano ou franquincenso (em japonês nyûkô 乳香, foto ③) é uma resina aromática popular até no Japão, este produto de boa qualidade pode ser obtido do país vizinho Omã.

Na loja de perfumes, as pessoas queimam o bukhur (incenso) para poder escolher o aroma de seu agrado, ao abrir o recipiente libera um cheiro forte, mas quando é queimado o bukhur exala outro aroma. 

Além disso, quanto à forma de subir a fumaça, há aquela que sobe com vigor, e silenciosamente vai se espalhando e há a fumaça fina que sobe direto ao teto.

 

Como desfrutar o bukhur

Há várias formas e materiais de bukhur que é queimado com o uso do queimador de incenso chamado mabkhara (em japonês kôro, ver foto ④⑤⑥).

Ao aquecer o bukhur sobe uma fumaça que se difundi exalando a fragrância por todo o aposento, e as mulheres também o utilizam para defumar as roupas.

 

O incenso na vida diária

Na Arábia, apreciam-se muito as fragrâncias, que estão intimamente relacionadas com a própria vida.

Tanto os homens quanto as mulheres de Abu Dhabi sempre perfumam os seus fascinantes trajes típicos.

Além disso, o incenso é queimado nas belas e amplas casas de teto alto dos emiradenses de modo que eles recepcionam seus convidados com sua singular fragrância. Embora seja uma fragrância de quarto, existe um propósito, não só a de desodorizar a sala, mas também a de purificá-la a fim de criar um espaço sagrado.

O mesmo ocorre em recepções de casamento, mas separadamente para homens e mulheres, devido ao Islã; queima-se incenso no local feminino e para os convidados poderem apreciar esse aroma, os funcionários circulam em torno de cada mesa com o queimador de incenso. E é usado com frequência óleo perfumado e incenso como presentes para amigos e entes queridos.

Durante minha permanência em Abu Dhabi, todos os dias antes do café da manhã e quando tinha convidados, sempre queimava incenso, assim purificava os cômodos com minha fragrância favorita, o que transmitia uma sensação refrescante.

O incenso árabe, na sua maioria, tem um aroma peculiar, forte e doce, mas também há as fragrâncias suaves que são facilmente aceitas pelos japoneses, então, que tal experimentar?

 

Fukuoka, Kiyo

Setembro de 2017

Veja também