- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

Washitsu – Sala de estilo japonês: Genkan

Desta vez, apresentamos uma nova matéria: “Washitsu 和室 – Sala de estilo japonês”.

Washitsu é o termo que define a sala ou cômodo com piso de tatames, algo peculiar em uma casa tradicional japonesa.

O espaço principal do washitsu é aquele que tem um lugar nobre para expor objetos decorativos, denominado tokonoma, delimitado por divisórias corrediças de shôji e fusuma. O washitsu é verdadeiramente dinâmico, pois pode transformar-se em uma sala de estar ou de estudo se nele colocarmos uma mesa, ou em um quarto se pusermos um colchão tipo futon, ou até mesmo em uma sala de chá.

Nesta matéria, mostraremos a estrutura de uma sala de estilo japonês, um lugar tradicional para os japoneses, e daremos exemplos de alguns chashitsu. Acreditamos que ao conhecer a sala de estilo japonês, o leitor irá se familiarizar com o Chadô e a cultura japonesa.

O primeiro tópico que abordaremos será a entrada (genkan 玄関)

 

GENKAN 玄関 – ENTRADA

Como no Japão há o costume de se tirar os sapatos para entrar em casa, na entrada (genkan) há uma área para isso, chamada doma 土間 (piso de terra batida, chão sem assoalho). Em seguida há uma diferença de altura, pois é comum que o interior da casa esteja em nível mais elevado. Isso se deve ao fato de que o Japão tem um clima úmido, e tal elevação evita que a umidade do solo danifique o alicerce, os pilares e pisos com rachaduras ou mofo. Os visitantes às vezes conversam sentando-se nesta parte do degrau, e muitas vezes aí mesmo resolvem assuntos simples, sem ter que entrar em casa. O fato de tirar os sapatos para subir neste degrau significa, no consenso dos japoneses, que do espaço externo tem-se acesso ao espaço interno.

No Japão, o genkan não é apenas uma entrada que conduz ao interior das casas, mas um local de comunicação, e pode-se dizer que é uma área importante onde delimita-se o espaço que separa o mundo exterior, do mundo interior, embora esteja dentro da casa.

A propósito, sobre a origem da palavra “genkan 玄関”, na linguagem budista há uma frase que sinala bem sua etimologia e que diz “genmyô na michi ni hairu kanmon 玄妙な道に入る関門”, isto é “passagem para entrar no caminho misterioso”. Gen (玄) significa “as profundezas da iluminação espiritual”. Kan (関) indica a entrada. Em outras palavras, há um profundo significado aí expresso, de ingressar nas profundezas do caminho do Budismo. Por isso se pensa que é importante mantê-lo sempre limpo.

  • Doma 土間 (chão)
    É usado como um termo genérico para pisos onde se calça e descalça os sapatos. Também é chamado de tataki (三和土). Originalmente, o doma significava “o chão de terra batida no interior da casa”.
  • Agarikamachi 上がり框 (viga de madeira horizontal do degrau)
    A viga de madeira colocada horizontalmente ao degrau do piso de entrada é chamada de agarikamachi. Como na entrada do genkan há uma diferença de nível, o lugar também é usado como substituto do assento ao se colocar e retirar os sapatos.  
  • Shikidai 式台 (degrau inferior em uma entrada japonesa)
    No genkan, onde há uma grande diferença entre o chão (doma) e o piso (yuka 床), instala-se o shikidai, tábua entre o chão e a viga de madeira horizontal agarikamachi, para facilitar a subida ou descida das pessoas. A origem do shikidai vem da peça de madeira instalada nas residências dos samurais, para que nenhum convidado pisasse o chão ao subir no palanquim. Além disso, em vez da tábua de madeira do degrau inferior (shikidai), coloca-se uma base de pedra achatada chamada kutsunugi-ishi (沓脱石), para se tirar os sapatos antes de entrar. Na pequena entrada (nijiriguchi 躙口) da sala de chá há também esta pedra.
  • Toritsugi 取次ぎ (recepção)
    O espaço a subir após tirar os sapatos é chamado de “toritsugi”. Atualmente é chamado de “hall de entrada”.

 

Fumiishi 踏石 (kutsunugi-ishi 沓脱石) 
Base de pedra para se tirar os sapatos na pequena entrada (nijiriguchi) da sala de chá.

Abril de 2018

Veja também

  • Washitsu – Sala de estilo japonês: Tokonoma

    Nesta oportunidade, explicaremos sobre o tokonoma (床の間). O tokonoma é um dos elementos decorativos vistos em uma sala de tatame da casa japonesa, é o espaço a um nível elevado do solo, onde são expostos o rolo pendurado de caligrafia ...
  • Washitsu – Sala de estilo japonês: Tatame (II)

    Ao se colocar tatames nos aposentos das residências em geral há normas a seguir, por isso as margens das junções não podem formar uma cruz, disposição que se chama shûgijiki (祝儀敷き)…
  • Washitsu – Sala de estilo japonês: Tatame (I)

    Ao escutar a palavra washitsu, sala ao estilo japonês, a primeira coisa que vem à mente não é o tatame? O tatame é o material tradicional, peculiar do Japão, usado no washitsu. Falaremos sobre o tatame, indispensável na ...
  • Washitsu – Sala de estilo japonês: Fusuma

    Fusuma (襖), porta ou divisória corrediça de papel, é um dos elementos peculiares em casas tradicionais do Japão, utilizado para dividir o espaço do washitsu e para abrir o armário embutido (oshi-ire 押入れ). Normalmente usa-se como porta corrediça dupla, e pode facilmente ...