- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

Jôzu ni wa suki to kiyô to kô tsumu to kono mittsu sorou hito zo yoku shiru

“Para se tornar perito em algo requer: gostar, ter habilidade, e acumular experiência.
A pessoa com todas estas três [condições] conseguirá atingir o saber.”

Jôzu ni wa suki to kiyô to kô tsumu to kono mittsu sorou hito zo yoku shiru

É dito que para tornar-se especialista em alguma coisa precisa-se de três condições.

Em primeiro lugar, gostar. Em segundo, ter habilidade. E em terceiro, é necessário persistir nos estudos, através do treinamento.

O gostar ou não gostar é livre arbítrio de cada um, pois, mesmo daquilo que não se gosta, conforme vai se acostumando, passa a gostar; e há muitos casos em que se gosta, mas por algo fortuito, passa a não gostar mais. Aprender com relutância, porque foi apresentado à pessoa, ou estudar por obrigação, acarreta no tempo passar, mas nunca será habilidoso; tal como diz o provérbio: “Torne-se expert em algo que goste”.

Sobre a “habilidade”, talvez pense que não poderá ser alterada porque é uma disposição inata de cada um, mas não fique decepcionado. Quando também aceitar isso, a pessoa, mesmo sendo inábil, poderá tornar aparente o gosto por algo que a pessoa habilidosa não consegue.

E quanto ao “acumular experiência” [através do treino], é o ponto mais importante na formação artística.

Novembro de 2015

Veja também