- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

Temae ni wa omoki o karuku karuki oba omoku atsukau ajiwai o shire

“No temae, deve-se ter a sensação de lidar com objetos pesados
como se fossem leves, e objetos leves como se fossem pesados.”

Antigamente, ao tornar-se um gyôtei, discípulo direto do Grão-mestre (iemoto), a forma de ensinar do Mestre era extremamente rigorosa. Certa vez, fez carregar um mizusashi vazio como se estivesse cheio de água, e depois, ao contrário disso, fez transportar o mizusashi cheio de água como se estivesse vazio e esse simples ato foi repetido muitas vezes.

Ao dizer aqui que “deve-se ter a sensação de…” quer dizer que os movimentos devem surgir na ponta de seus dedos tal como estão na sua mente. É deixar essa “sensação” que está na sua mente, na ponta dos dedos e com seus próprios olhos seguindo-a. Conforme seus olhos vão acompanhando, o temae flui naturalmente.  A mente permanece no que flui naturalmente e também naquela mão que não está sendo usada, por isso se deve conhecer esse tipo de “sensação”.

Julho de 2017

Veja também

Última atualização

01/08/2022 - Relatório: Edição Especial Comemorativa
01/08/2022 - 16. KI | Cantinho da Língua Japonesa
01/08/2022 - Cenas Brasileiras 8. Arraial d’Ajuda | Relatos de Cenas Brasileiras
01/06/2022 - Hakuei-an News
01/06/2022 - 16. Yûgen | Wa no kokoro – O espírito japonês
01/06/2022 - 2. Natsume
01/05/2022 - Plantas do Brasil – 7. Guaraná | Relatos de Cenas Brasileiras