- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

Relembrando os 120 anos do estabelecimento das relações diplomáticas entre o Japão e o Brasil

Feliz Ano Novo.

 

O Brasil, neste ano, sediará, no Rio de Janeiro, as primeiras Olimpíada e Paraolimpíada da América do Sul. O país tem um ano memorável, mas enfrenta uma crise política e econômica. Em março do ano retrasado, a partir de uma investigação de lavagem de dinheiro contra gestores de postos de combustíveis em Brasília, iniciou-se a operação que tem sido chamada de “Lava-Jato”, envolvendo a maior empresa estatal brasileira, a Petrobras, “na maior investigação de corrupção” da história do país. Dentro deste grave cenário, relacionado aos casos atuais de corrupção, sinto duas coisas importantes. Primeiro é que a independência do Poder Judiciário e a liberdade de imprensa estão enraizadas nas bases da democracia brasileira, o que faz com que ela funcione bem. Em segundo lugar, as pessoas que cometeram crimes, mesmo que sejam ricos ou que estejam no poder, estão sendo punidas de acordo com a lei. Podemos dizer que o Brasil está entrando em uma nova era, em um “período histórico de mudança”.

 

Sob tais circunstâncias, no ano passado, comemoramos os 120 anos do estabelecimento das relações diplomáticas entre o Japão e o Brasil. Com a iniciativa do Comitê Executivo e de organizações Nikkei, cerca de 450 eventos certificados foram promovidos em todo o Brasil. Graças a doações de empresas, também foram realizados o Hanabi Matsuri, a reforma do Pavilhão Japonês e a exposição dos projetos nacionais Japão-Brasil.

 

O ponto alto dos eventos foi a visita de Suas Altezas Imperiais o Príncipe e a Princesa Akishino ao Brasil (de 28 outubro a 8 novembro). Em 12 dias, o casal passou por cinco estados e pelo Distrito Federal. Fizeram uma visita de cortesia à Presidente no Palácio do Planalto, participaram de uma cerimônia organizada pela Câmara dos Deputados, além de terem encontros com seis governadores e com lideranças da comunidade japonesa de 12 estados.

 

No ano passado, o Centro de Chadô Urasenke do Brasil prestou uma grande contribuição a todos. Em março, durante a homenagem aos 120 anos de amizade Japão-Brasil, realizada na sede do governo do Estado do Paraná (Palácio Iguaçu), tanto eu quanto minha esposa participamos da cerimônia do chá, organizada pelo Urasenke em conjunto com o Governador Beto Richa e sua esposa. No “Festival do Japão de São Paulo”, em julho, tivemos a oportunidade de saborear um delicioso chá nos jardins do Urasenke. Também ouvi dizer que a cerimônia do chá na Universidade de São Paulo foi um grande sucesso. Além disso, várias cerimônias do chá foram realizadas em festivais japoneses por todo o Brasil.

 

Encerro meus cumprimentos agradecendo sinceramente a todos do Urasenke pela realização de suas atividades e desejando que este seja um ano maravilhoso para todos.

 

Fevereiro de 2016
Embaixador Extraordinário e Plenipotenciário Kunio Umeda

Veja também