- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

Sumi oku wa tatoe narai ni somuku tomo yu no yoku tagiru sumi wa sumi nari

炭置くはたとへ習ひにそむくとも
湯のよくたぎる炭は炭なり

Mesmo que a colocação do carvão possa ser contrária à maneira ensinada,
o carvão que aquecer a água é carvão.

No chadô há a cerimônia do chá forte (koicha 濃茶), do chá fraco (usucha 薄茶) e do carvão (sumi temae 炭手前). O tema deste poema é para explicar o porquê da cerimônia do carvão. Ela existe para ferver a água, por isso o poema nos ensina que o carvão deve ser colocado de modo que permita a fervura. A questão é que parece ser natural o carvão promover a fervura da água, e assim, servir chá aos convidados. Mas, justo isto é bastante difícil de fazer.

Dezembro de 2019

Veja também

Última atualização

01/04/2024 - 11. Abril (fim de verão) | Chashaku no mei – Nome poético da colher de chá
02/03/2024 - Notícias: Hakuei-an News
01/03/2024 - 10. Março (fim de verão) | Chashaku no mei – Nome poético da colher de chá
01/03/2024 - 22. Kuchi | Cantinho da Língua Japonesa
01/02/2024 - 21. Mie | Cantinho da Língua Japonesa
01/02/2024 - 9. Fevereiro (verão) | Chashaku no mei – Nome poético da colher de chá
01/02/2024 - 9. Suika – Melancia | Cha e Alimentos saudáveis