- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

HINA MATSURI – Festival das Meninas (ou Festival das Bonecas)

――― TRANSFERÊNCIA DE IMPUREZAS PESSOAIS PARA BONECOS ―――

雛人形O dia 03 de março é o dia das Meninas.
Essa data é comemorada enfeitando a casa com o conjunto de bonecos que representam a Corte Imperial (hina ningyô) com oferendas de hina arare (biscoitinho à base de mochi ou de soja torrada, envolto com açúcar colorido), hishimochi (doce de arroz glutinoso mochi cortado em losango, superposto em camadas nas cores rosa, branco e verde) e shirozake (bebida doce feita de mingau de arroz fermentado).
O hina matsuri é um dos cinco festivais sazonais introduzido da China, e sua origem está no festival jôshi no sekku (terceiro dia do terceiro mês).
A palavra jôshi refere-se ao dia da “serpente” no inicio do terceiro mês. Neste dia se purificava o corpo com o banho de água fria e tomando sake.
Este é um sincretismo e costume de purificação no Japão. Realizava-se também no Japão o banho de água fria e iniciou-se o costume de fazer a figura humana em forma de boneco, que substitui a pessoa a ser purificada. Os bonecos eram colocados para flutuar em barquinhos no rio. Pode-se dizer que isto é o modelo original do nagashi-bina, ritual de flutuar os bonecos no rio durante a celebração de março.

Posteriormente, os bonecos tornaram-se muito luxuosos e caros, saindo de uso este costume, sendo dispostos só como decoração. Originalmente, a função dos bonecos era receber os infortúnios da pessoa que se desejava purificar. Desde então, parece ter surgido o hábito de dizer “se você não arrumar de imediato o conjunto de bonecos hina ningyô, o seu casamento irá tardar”. (referencia: trad. do livro japonês “Nihon no shikitari ga yoku wakaru hon”)

** Como no Brasil é difícil sentir as variações sazonais, existem lugares que expõem os hina ningyô o ano todo, perdendo-se assim o seu significado original.

Março de 2015

Veja também

  • Shôgatsu – Ano-Novo

    Shôgatsu – Ano-Novo

    O Ano Novo (Shôgatsu正月) marca o início do ano em todos os tipos de calendários do mundo. As pessoas celebram tanto o encerramento de um ano que se passou em segurança quanto a passagem para um ...
  • HASHI - Pauzinhos

    HASHI – Pauzinhos

    Há muitos povos no mundo que comem com as mãos. Não se pode dizer que são tantos assim os que utilizam os pauzinhos (hashi) na hora da refeição, mas sua história é longa, datando da ...
  • EBISUKÔ

    EBISUKÔ

    É um dos eventos anuais populares que acontecem desde o período Edo em tributo ao deus Ebisu (恵比須), conhecido como o Deus da Fortuna, representado nas imagens com roupa de caça antiga (karinugi 狩衣), além ...
  • OBON – Culto aos Epíritos dos Ancestrais

    OBON – Culto aos Epíritos dos Ancestrais

    O culto em memória dos espíritos dos antepassados é uma característica peculiar da cultura japonesa e revela o sincretismo entre a fé aos espíritos ancestrais do antigo Japão e o budismo. Chamado de obon ou ...
  • KITAMAKURA – Travesseiro do Norte

    KITAMAKURA – Travesseiro do Norte

    A expressão japonesa kitamakura 北枕 (“travesseiro do norte”) significa dormir colocando o travesseiro no lado norte, deitando com os pés virados para o sul.  Este ato antigamente era considerado de mau augúrio…

Última atualização

01/10/2021 - Relatório: 1º HARU MATSURI ORGANIZADO PELO BUNKYO
01/10/2021 - Matéria Especial: Entrevista com o professor japonês Massao Daigo
01/09/2021 - 13. Fûryû – elegante, refinado… | Wa no kokoro – O espírito japonês
01/09/2021 - 13. KAZE | Cantinho da Língua Japonesa
01/08/2021 - Plantas do Brasil – 4. Vitória-régia (Parte II) | Relatos de Cenas Brasileiras
01/08/2021 - Sumi – 1 | Mini conhecimentos sobre Chadô
01/06/2021 - 12. Mi ni shimu – Um modo profundo de sentir… | Wa no kokoro – O espírito japonês