- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

NAGOSHI NO HARAE – Rito de Purificação no Verão

Ooharae (a grande purificação) é um evento [xintoísta] para eliminar as impurezas do corpo, que se realiza anualmente no último dia dos meses (misoka) de junho e dezembro.  Tornou-se uma prática comum na época do imperador Tenmu 1300 anos atrás.

A grande purificação de junho é chamada de “nagoshi harae – Rito de Purificação de Verão”. Visita-se o santuário para ① passar pelo  ②transferir as impurezas pessoais a um boneco de forma humana e faze-lo flutuar no rio, ③ apreciar o tradicional doce japonês “minazuki”.  Trata-se de um evento anual para afastar os maus espíritos e orar por uma longa vida.

 

Chinowa

Chinowa

① Passar pelo chinowa é caminhar sob um círculo de bambu coberto por um feixe de capim de 2,3 m de diâmetro, instalado no recinto do santuário. Acredita-se que este ato purifica as impurezas do corpo, e o ritual consiste em percorrer três vezes o círculo, a começar com o pé esquerdo, virando primeiro à esquerda, depois à direita e de novo à esquerda, a fim de traçar o número oito [∞] na horizontal (considerado o símbolo do infinito).
A origem dessa crença origina-se da lenda de dois irmãos Somin Shôrai e Kotan Shôrai no período Nara (por volta do séc. VIII).

 

② Eliminar as impurezas, anotando o nome e a data de nascimento no recorte de papel em forma de figura humana, soprando-o para transferir as impurezas pessoais e, depois, fazendo-o flutuar no rio.
Em sua “Coletânea de Poesias”, Fujiwara no Ietaka [No.98] invoca a seguinte imagem:

 

Kaze soyogu  nara no ogawa   no yugure wa
misoguizo natsu no shirushi narikeru

 

O vento sussurra entre as folhas do carvalho,
E, ao entardecer, os peregrinos se purificam na beira do riacho.
Sinal da chegada do verão!

 

Minazuki

Doce japonês “minazuki”.

③ O minazuki é o doce tradicional da época da purificação de junho.  Trata-se de um doce em forma de triangulo, preparado com uirô (uma espécie de bolo branco de farinha de arroz, cozido a vapor) e coberto com feijão azuki – acredita-se que espanta os maus espíritos.  A forma triangular representa a “agua” e, antigamente, realizava-se o “Festival do Gelo – kôri no sekku” no Palácio Imperial, no dia 1º de junho do calendário lunar.  O gelo formado durante o inverno era guardado num depósito de gelo (himuro) nas montanhas; no verão, era utilizado no rito de purificação, colocando o gelo na boca, e ao mesmo tempo formulado o desejo de um saudável verão.

 

Os rituais dos Santuários de Kamigamo, Shimogamo e Kibuno em Kyoto e do Santuário Sumiyoshi Taisha em Osaka são célebres.

Na Coletânea de Poemas de Shûi – Shûi wakashû temos o seguinte poema, [que invoca vida longa àqueles que participam do ritual]:

 

Minazuki no nagoshi no harae he suru hito wa,
Chitose no ichinochi nobu to iu nari

 

Aqueles que realizam o rito de purificação no verão
No sexto mês (minazuki), 
Prolongam a sua vida por mil anos.

Junho de 2016

Veja também

  • Shôgatsu – Ano-Novo

    O Ano Novo (Shôgatsu正月) marca o início do ano em todos os tipos de calendários do mundo. As pessoas celebram tanto o encerramento de um ano que se passou em segurança quanto a passagem para um ...
  • HASHI – Pauzinhos

    Há muitos povos no mundo que comem com as mãos. Não se pode dizer que são tantos assim os que utilizam os pauzinhos (hashi) na hora da refeição, mas sua história é longa, datando da ...
  • EBISUKÔ

    É um dos eventos anuais populares que acontecem desde o período Edo em tributo ao deus Ebisu (恵比須), conhecido como o Deus da Fortuna, representado nas imagens com roupa de caça antiga (karinugi 狩衣), além ...
  • OBON – Culto aos Epíritos dos Ancestrais

    O culto em memória dos espíritos dos antepassados é uma característica peculiar da cultura japonesa e revela o sincretismo entre a fé aos espíritos ancestrais do antigo Japão e o budismo. Chamado de obon ou ...
  • KITAMAKURA – Travesseiro do Norte

    A expressão japonesa kitamakura 北枕 (“travesseiro do norte”) significa dormir colocando o travesseiro no lado norte, deitando com os pés virados para o sul.  Este ato antigamente era considerado de mau augúrio…