- A Paz Através de Uma Tigela de Chá -

Padrões Japoneses Mon’yô: Grou e Tartaruga

Os temas deste mês são: “Grou” (tsuru 鶴) e “Tartaruga” (kame 亀).

Em meio ao clima festivo de Ano Novo, dispor de elementos considerados de bons augúrios ao nosso redor, como o grou e a tartaruga, faz com que o regozijo da ocasião seja ainda maior.  

Sem dúvida alguma, ao aprendermos mais sobre diferentes tipos de padrões e cada um dos seus significados, desfrutaremos melhor dos eventos desta época, tais como “Hatsumôde” (primeira visita a um templo ou santuário no início do ano) ou “Hatsugama” (primeira Cerimônia do Chá do ano). 

Os dois animais a que nos referimos estão associados a uma imagem de longevidade. Para o grou, mil anos, e para a tartaruga, dez mil anos. No caso do primeiro, foi referido como kakujusenzai 鶴寿千 significando viver incontáveis anos, mencionado no Shuo lin xun [livro 17] da obra clássica chinesa “Huáinánzi (em jap.: Enanji – zeirinkun 淮南子-説林訓 – ”Os Mestres de Huainan – Coletânea de Teorias”). 

Sobre a tartaruga, contam ainda que havia uma que era sagrada (reiki 霊亀), que carregava nas suas costas o Monte Hôraisan 蓬莱山 onde os sábios imortais moravam. Era considerada, na China Antiga, como um dos quatro animais lendários benevolentes. Chamam de “minogame 蓑亀” àquelas velhas tartarugas, com compridas algas marinhas grudadas no lado traseiro, representando uma vida longa.

 

Padrão de Grous: Tobizurumon 飛鶴文 

Estilização desta ave voando. Há aquelas que são representadas em grupo. São refinadas e radiantes. Vistas com frequência em ocasiões de júbilo, como em casamentos e nas vestimentas de noivas, ou em festejos de inícios auspiciosos de alguma coisa.

Padrão de Grous: Tachizurumon 立鶴文

Grous em pouso, transmitindo elegância e dignidade. Os quadros “Chikubai sôkaku-zu竹梅双鶴図” (Par de Grous, bambu e ameixeira japonesa) e “Tachizuru-zu立鶴図” (Grous em pé), do pintor Ito Jakuchu 伊藤若冲 (1716-1800) são exemplos famosos deste padrão.

Padrão de Grous: Matsukuizurumon 松喰鶴文 

Estilização de grou com um galho de pinheiro no bico. Variação do padrão Hanakuidorimon 花喰鳥文 (pássaros com flores no bico). Era representado por papagaios (ômu オウム) ou pela ave mitológica chinesa fênix (hôô 鳳凰), entre outros pássaros estrangeiros. A partir da Época Heian (794-1185) nacionalizou-se, e passaram a utilizar o grou japonês, muito mais íntimo aos japoneses.

 

Padrão de Grous e Tartarugas: Tsurukamemon 鶴亀文

Tanto nos padrões do grou em pouso ou voando, como neste, de grou e da tartaruga, há um significado implícito de desejo de uma vida prolongada e de bons augúrios. É utilizado com muita frequência em vestimentas de casamento e em objetos artesanais. Quando a este se soma o「松竹梅」(shôchikubai) pinheiro-bambu-madeira no padrão, ele se torna 「松竹梅鶴亀文」(shôchikubai-tsurukamemon), representação máxima do anelo de muito tempo de vida e felicidade.

Padrão de Carapaça de Tartarugas: Kikkômon 亀甲文

Padrão geométrico hexagonal regular. Chamado de carapaça de tartaruga pela similitude entre ambos. O emblema sagrado do Templo Xintoísta Izumo Oyashiro é famoso, utiliza o padrão kenhanabishi 剣花菱 de flores com espada, dentro de um hexagonal (kikkô ni kenhanabishi 亀甲に剣花菱). 

Hanabishi Kikkômon
花菱亀甲文
Padrão de Carapaça de Tartaruga com flores em pétalas

 

Padrão de Carapaça de Tartarugas: Bishamon Kikkômon 毘沙門亀甲文

Padrão geométrico em que três hexagonais regulares, armados em forma de monte triangular, repetem-se. O nome utilizado origina-se da vestimenta e armadura empregada por Bishamonten 毘沙門天, um dos quatro deuses Shiten’nô 四天王 (deuses budistas de origem hindu).

Dezembro de 2019

Veja também

  • Padrões Japoneses Mon’yô: Onda e Água

    Padrões Japoneses Mon’yô: Onda e Água

    Os temas deste mês são: “Onda” (nami 波) e “Água” (mizu 水). No mês de outubro, o Japão festeja a chegada do outono; por outro lado, no Brasil, já podemos sentir a proximidade do verão…
  • Padrões Japoneses Mon’yô: Flor de Cerejeira

    Padrões Japoneses Mon’yô: Flor de Cerejeira

    O tema deste mês é sakura, a cerejeira e a sua flor…
  • Padrões japoneses mon’yô: Flor de ameixeira

    Padrões japoneses mon’yô: Flor de ameixeira

    Neste artigo trataremos do último item do trio (Shô-chiku-bai 松竹梅), o (bai/umé)「梅」, a flor de ameixeira . É a primeira a florescer no começo do ano, quando ainda o frio é intenso no Japão, e, portanto, ...
  • Padrões japoneses mon’yô: Bambu

    Padrões japoneses mon’yô: Bambu

    Prosseguiremos com o segundo elemento do trio “pinheiro, bambu e flor de ameixeira” (Shô-chiku-bai 松竹梅), o bambu (chiku/take 竹). Da mesma forma que o pinheiro, o bambu permanece verdejante o ano inteiro. Cria muitas raízes, cresce ...
  • Padrões japoneses mon’yô: Pinheiro

    Padrões japoneses mon’yô: Pinheiro

    Agora que finalizamos a série “O lenço kobukusa e os tecidos de seda kireji”, iniciada em março de 2017, que tal estudarmos juntos sobre os motivos de padronagem japonesa, os mon’yô?Nós discutimos até agora sobre os desenhos dos tecidos kireji ...